Amo Café

Quem mais ama café?

Uma paixão nacional e meu amor incondicional…

Presença diária em minha vida, faz e fez  parte de muitos momentos…

Quanta memória afetiva o café traz?

O cafezinho sagrado depois do almoço…

Muita conversa boa embalada pelo café: entre amigos, em família, no trabalho…

O café da manhã pra dar aquela acordada e começar bem o dia…

O cafezinho na hora da pausa daquele dia corrido e cansativo…

O café está presente em muitas reuniões importantes, ou não..

Café é afeto, aconchego,  afago, demonstração de amor…

Mais café e AMOR por favor!

Ciclos

A cada ciclo que se fecha, outro se abre, e com ele, novas expectativas.

Quando encerramos um ciclo, fazemos um balanço das coisas boas e ruins, dos erros e acertos, para assim, estarmos preparados para o novo, para o futuro.

Depois dos 40, sentimos muito mais os impactos das decisões tomadas, tudo tem um “peso” muito maior, e o tempo para os recomeços diminui, já não há mais tanto tempo para errar…

2018 foi um ano particularmente difícil, e decidi que não queria mais ficar como estava, precisava mudar, arriscar, recomeçar.

O fato é  que é muito bom sentir o friozinho na barriga que o novo causa pela ansiedade do recomeço, mas, principalmente, sinto-me feliz e grata pelas novas oportunidades e possibilidades!

 

 

 

Cadê meu tempo?

Adoro escrever sobre tudo: pensamentos, lugares , assuntos do cotidiano, etc

Para isso criei o blog, sem maiores intenções, mas, para deixar registrado o que escrevo…

No início me cobrava sobre a “obrigação” de escrever todos os dias, depois, uma amiga me disse: escreva quando tiver vontade / assunto, 1 vez por semana…

O fato é que não quero fazer de algo prazeroso uma “obrigação”, e sim, simplesmente para ter um espaço só meu, ou melhor, mas compartilhado por todos, e um tempo dedicado pra mim.

Mas, cadê o tempo que sumiu?

Queria que o dia tivesse 36 horas.

Desde a viagem de mini férias, não consegui encontrar esse tempo, e lá se foram quase 3 semanas de ausência.

Cheguei de viagem numa quinta, mudei na sexta, voltei a trabalhar na terça.

E ainda estou tentando colocar em ordem minha casa, meu trabalho, minha vida…

Espero conseguir me organizar logo, e zerar a lista enorme de pendências, para que eu possa retomar minhas metas pessoais, entre elas, escrever!

Tenho pendências

Tenho compromissos

Não tenho tempo

Tenho 40!

ROTINA

Esses últimos dias foram realmente corridos e complicados, física e mentalmente.

Quebrei a meta da academia e das postagens no blog, mas, faz parte…o importante é não desistir!

Estou em processo de mudança de apto, 1000 coisas pra fazer e resolver, mas, super animada com esse movimento. Acredito que as mudanças são sempre pra melhor!

Sábado, dia de acordar tarde? SQN, simulado da Maria Luiza 8h da manhã.

Pegar a chave do ap, fazer vistoria, lista de compras, passar a tarde comprando utensílios pra casa nova…

Uma voltinha no shopping pra pesquisar preços e um choppinho no Outback “porque ninguém é de ferro”.

No domingo, resolvi desapegar de roupas, brinquedos, papéis, móveis: separar o que não uso mais para doar, jogar algumas coisas fora, anunciar outras no OLX.

Como é bom renovar a energia!

Fiz almoço e fomos  novamente no AP, levar coisas que havia separado e medir algumas paredes.

Estava acabada…quando eu vi, já era segunda, e a sensação que não tive fim de semana.

Acordar 6h30, levar a filha na escola…

Olhar no espelho e se espantar com o tamanho das olheiras (água fria pra ver se melhora), banho e um bom café pra despertar…

Maquiagem no carro, a caminho para o trabalho…

Reuniões, entrevistas, recepção de uma nova funcionária, água e mais café…

Responder e-mails, relatórios, pagar contas…

Almoço

Homologação no sindicato…

Um break pra colocar o papo em dia como uma amiga…

Voltar para o trabalho, responder mais e-mails…

Casa, estudar Ciências Sociais com a filha, jantar, banho, dormir que em poucas horas será outro dia…

E vai começar tudo de novo!

Dia do Profissional de RH

Iniciei minha trajetória no RH há um pouco mais de 20 anos..

Comecei como estagiária numa indústria de eletrodomésticos, a Mallory, e de lá pra cá, nunca mais parei…

Passei por indústria têxtil, farmacêutica, empresas de incorporação e construção civil, e por fim, publicidade.

Vivi a transição do RH “assistencialista” para o estratégico.

Acompanhei às mudanças e me adaptei a elas.

Minha atuação sempre foi generalista, nunca gostei de fazer uma única coisa, e sempre busquei aprender mais e mais, independente da identificação ou não com determinados trabalhos.

Meu maior prazer é acompanhar o crescimento de uma pessoa, a qual de alguma forma ajudei a começar.

É identificar um talento e ajudá-lo a se encontrar profissionalmente e se desenvolver.

É muito importante o olhar para o “SER HUMANO” e saber identificar se está no lugar certo. A pior coisa para a empresa e o profissional, é a pessoa certa, no lugar errado, e vice-versa.

O RH estratégico conhece o negócio, acompanha e se interessa pelos resultados, e preocupa-se com o equilíbrio PESSOA X EMPRESA, trabalhando para contribuir com o crescimento de ambos.

Claro que tem a “parte chata”, que pra mim, é estar tão próxima dos processos de desmotivação e desligamentos. É sempre difícil lidar com o sofrimento do outro (mais até do que lidar com o nosso), mas, tento sempre separar a pessoa do profissional, e acredito que esse processo mais doloroso também faz parte do crescimento.

A vida é feita de ciclos, com início, meio e fim, alguns são mais curtos, outros mais longos, mas, o importante é ter sabedoria para APRENDER SEMPRE!

1o. EMPREGO

Hoje meu filho, meu “bebê” começou no seu primeiro emprego…

Como passou rápido! 20 anos, universitário, e agora trabalhando…Estou tão orgulhosa!

Lembro-me como se fosse hoje do meu 1o. emprego. Tem datas que ficam na nossa memória, principalmente as primeiras vezes.

A ansiedade, frio na barriga, incertezas, medo de errar, o “chefe”, os colegas de trabalho…

A real, é que esse é só o 1o. passo de uma caminhada muito longa, que terá momentos difíceis, mas que pode ser muito prazerosa e divertida.

O 1o. emprego dá uma virada na vida, onde realmente se experimenta as dores e delícias da maturidade e senso de responsabilidade…

E como é boa a sensação do primeiro salário, fruto do nosso trabalho, e perceber na prática, que todo esforço tem sua recompensa.

“Escolha um trabalho que você ama, e não terá que trabalhar um dia sequer na vida!” Confúcio.

DOMINGO FELIZ

Confesso que não gosto de acordar cedo no fim de semana, mas hoje despertei antes das 7h, o dia estava lindo, eu e o Anderson fomos caminhar na Orla..

Após 1 hora de caminhada, um café da manhã reforçado.

Organizei a casa, armários, coloquei algumas coisas no lugar e acendi um incenso…adoro casa organizada e cheirosa.

Depois, fui me aventurar na cozinha. Gosto de cozinhar por inspiração, e não por obrigação.

Sem falsa modéstia, fiz um almocinho bem gostoso para a família: arroz e feijão fresquinho, frango com polenta e cenoura na manteiga.

Na sequência, um filme pra relaxar. Assistimos Beleza Oculta, tem uma mensagem muito bacana sobre a morte, o tempo e o amor. Vale a pena assistir.

No fim da tarde teve passeio na pracinha com o Sol.

E lá se foi o domingo…

Agora é só esperar o Fantástico, e se preparar para mais uma semana, que se Deus quiser será abençoada!

Memória

Socorroooo, minha memória está sumindo…

Hoje, à espera do elevador pra ir trabalhar, me dei conta que tinha esquecido a bolsa, entrei em casa, peguei a bolsa, desci no elevador, e ao chegar ao estacionamento percebi que tinha esquecido o chaveiro com a chave do carro (o mesmo que usei pra abrir a porta e pegar a bolsa), claro, estava pendurado na porta.

Quando cheguei ao trabalho, adivinha? Esqueci o computador no sofá de casa!

Quando vou ao shopping, fotografo onde deixei o carro.

Aniversários, lembro o da minha mãe, filhos, marido, os demais, são lembrados pelas redes sociais…

Vou da sala para o quarto buscar ou pegar alguma coisa, quando chego lá, já esqueci..

Será que meu HD está cheio? Cansaço, estresse, muita informação?

O fato é que se não anoto ou fotografo, ESQUEÇO..

No trabalho e na vida pessoal, uso todos os recursos: agenda eletrônica e de papel, checklist, post its,etc, o que seria de mim sem eles!

 

Tenho esquecimento

Tenho memória seletiva

Tenho 40!

Sobre “tentar” ser blogueira…

Tenho 40, foi feito para mulheres, acima dos 40 (assim como eu), que podem tudo, inclusive ser blogueira..rsss

Estou “apanhando”, mas, vou conseguir, e evoluir…vocês vão ver…rss

Porque podemos tudo! Escrever sobre tentar ser fitness depois dos 40, falar sobre moda, compartilhar lugares incríveis e comidas deliciosas, e, principalmente dividir sobre o dia-a-dia da Mulher de 40.

Tenho 40 e poucos

Tenho filhos

Tenho marido

Tenho um trabalho

Tenho muitos sonhos

E agora SOU BLOGUEIRA!